Menu / Politica

Fortaleza - Acrsio Sena assume Prefeitura por dez dias


A partir de hoje, o presidente da Cmara Municipal, Acrsio Sena (PT), assume a funo de prefeito em exerccio do municpio de Fortaleza.  A prefeita Luizianne Lins (PT) se licenciou por dez dias para tratamento de saúde. O termo de transmissão do cargo foi assinado na tarde de ontem, no Paço Municipal. E contou com a presença dos parlamentares Guilherme Sampaio (PT) e Ronivaldo Maia (PT).

O cargo deveria ser assumido pelo vice-prefeito. Porém, Tin Gomes (PHS) renunciou ao cargo para assumir o mandato de deputado estadual. Ao jornal O Estado, Acrísio informou que hoje, na Câmara, fará uma fala política, e passará a chefia do Legislativo ao vice-presidente, Adail Junior.

Ele informou ainda que, no final da manhã, se reunirá com o núcleo gestor da Prefeitura para inteirar-se dos projetos da gestão municipal. Será a primeira vez que Acrísio ostenta o cargo, depois de assumir a presidência do Legislativo Municipal, no início deste ano. De acordo com ele, é uma oportunidade concreta de, pelo menos, ensaiar algumas iniciativas, principalmente os problemas de natureza estrutural da cidade.

Acrísio afirmou ainda que a experiência será gratificante, haja vista sua trajetória política - sobrevinda dos movimentos sociais. “Será desafiador”, complementou. Indagado sobre a afinidade entre Legislativo e Executivo, ele afirmou que cotidianamente, respeitando a independência entre os dois Poderes, a relação é aprimorada, citando a regulamentação dos espaços públicos.

“Marco regulatório”
Ontem, por iniciativa da Mesa Diretora, Câmara e Prefeitura discutiram uma ação conjunta para regulamentar os espaços públicos da Capital, definindo critérios para denominação de praças, bairros e logradouros. Logo porque, hoje, a responsabilidade está nas mãos do Legislativo municipal. E, conforme o petista, o processo precisa possuir critérios mais específicos. A meta é construir até a próxima semana um “marco regulatório”, apoiado no projeto de lei da vereadora Magaly Marques (PMDB) – em tramitação na Casa. Segundo Acrísio, a lei não retroagirá. Para o procurador do Município, Martônio Mont’alverne, a transformação se faz necessária por causa dos problemas de duplicidade existente em Fortaleza.

Fonte:http://www.oestadoce.com.br/?acao=noticias&subacao=ler_noticia&cadernoID=12¬iciaID=42658
  24/02/2011 09:52:48

© 2010. Todos os direitos reservados ao Portal - Bairro Jardim das Oliveiras
O portal de notícias da comunidade mais completo e atualizado.
Desenvolvido por Ronaldo de Paula - Soluções web .